14) O que as Lendas Brasileiras Contam do Brasil?





E o  que as lendas brasileiras sabem da gente?

¥
Saci – Elemental do ar
Se o Saci - assobiou, lá vem rasteira. A que vamos ganhar, por alguma tolice, ou a que vamos dar em nós mesmos. Por isso, ele só tem uma perna, a outra deu o tombo sem nem sabermos de onde veio. Ele é o redemoinho bagunçando nossas expectativas. Um peão de ventania girando num pino só, já que a tirania ainda não foi combatida com firmeza. Ele é o trickster, o malandro, o sábio do avesso: se não aprendeu de um jeito, vai cair no próprio mal jeito. 

¥
Cuca – Elemental do Fogo
A Cuca vai te pegar! O jacaré dragão do medo, que mora na caverna dos poderes desconhecidos e tudo o que tememos ser:  a mistura de povos e lendas. Ela é o fogo dos alquimistas, ou a boca da antropofagia. Seu cabelo diferente, como o mundo novo, esconde as lágrimas e maldições dos povos dizimados. A bruxa, professora dos limites e do mal no mundo, também assombra os descendentes de quem a excluiu até que seja honrada.

¥
Curupira -  Elemental da Terra
O Curupira olha para frente, mas seus pés estão para trás, como um aviso: todo ato passado caminha de volta até você. Ele é a ordem oculta da floresta, geradora e mantenedora do planeta: Não se desfia o tear da própria vida sem desfiar a si mesmo.

¥
Mula-sem-cabeça – Elemental do Metal
Uma moça namora um padre e vira a Mula-Sem-Cabeça. No lugar da cabeça chispa labaredas. Preciso explicar mais sobre a mão de ferro da igreja sobre o sexo, a mulher e as fogueiras?

¥
BOITATÁ – Elemental do Fogo e do Éter
O fogo-fátuo do Boitatá almeja as estrelas. Toda alma que deixa o corpo quer voltar ao seu lugar. Sua lenda avida que não se queima uma floresta sem consequências. Às  vezes, ela mesma entra em combustão. Nos dois casos, as serpentes de labaredas podem matar! 

¥
Negrinho do Pastoreio – Elemental do Éter
Se teu coração apertou sem nem saber o motivo, é hora de ver o rosto do Negrinho do Pastoreio. Quantas crianças são sacrificadas em nome do dinheiro, da ignorância e da soberba? Quanto é que enriquecemos com o trabalho escravo de crianças?

¥
Yara – Elemental da Água
Yara é uma sereia justiceira, enquanto a justa justiça não vem. Não se pode fazer mal a uma mulher sem que o mal feito não afogue o malfeitor.

¥
O Boto – Elemental da Água e da Terra
Não se pode alienar o pai dos filhos, escondendo sua origem. Não se abandona mulher grávida, como se o filho fosse do boto e não teu.

Comentários